Ibope divulga nova pesquisas de avaliação do governo Bolsonaro

Região

Metade dos brasileiros desaprova a forma como o presidente Jair Bolsonaro governa o país, segundo pesquisa feita pelo Ibope e divulgada nesta quarta-feira pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O índice de pessoas que desaprovam a maneira de Bolsonaro governar oscilou de 48% em junho para 50% neste mês.

A aprovação, por sua vez, passou de 46% para 44% no mesmo período. Na série histórica do Ibope, esta é a segunda pesquisa em que o percentual de entrevistados que desaprovam o governo Bolsonaro é, dentro da margem de erro, maior do que o de pessoas que aprovam a gestão.

Desde janeiro, a aprovação do governo vem diminuindo na série do Ibope: era de 67% em janeiro e caiu 23 pontos. A desaprovação, por outro lado, subiu 29 pontos: foi de 21% para 50%.

Segundo o levantamento, a parcela da população que considera o governo Jair Bolsonaro ótimo ou bom oscilou de 32% para 31% em relação a junho. O percentual dos brasileiros que avaliam a atual administração como ruim ou péssima oscilou de 32% para 34% no comparativo. As variações ocorreram dentro da margem de erro da pesquisa.

Confiança

Em outro quesito do levantamento, 55% dos entrevistados disseram não confiar no presidente Jair Bolsonaro. O índice era de 51% em junho. Já o percentual dos que confiam nele caiu de 46% para 42% entre um mês e outro.

Temer

De acordo com a pesquisa CNI/Ibope, o índice de brasileiros que consideram o governo Bolsonaro melhor do que o do ex-presidente Michel Temer caiu de 47% para 43% da população.

Segundo o levantamento, 33% dos entrevistados avaliam que os dois governos são iguais, enquanto 20% pensam que a atual gestão é pior do que a de Temer – ante 17% na última edição, realizada em junho. Outros 4% não souberam ou não quiseram responder.

O Ibope ouviu 2.000 pessoas em 126 municípios entre 19 e 22 de setembro. O levantamento anterior havia sido realizado entre 20 e 26 de junho. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

O Tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *