Atacante do São Paulo perde pênalti, e Peru é derrotado pela Dinamarca no retorno à Copa

Copa do Mundo Esporte




A alegria dos peruanos pelo retorno à Copa do Mundo após 36 anos durou pouco e parou nos pés de Cueva, atacante que atua pelo São Paulo. O jogador perdeu um pênalti que poderia colocar o Peru à frente do placar, e a seleção sul-americana acabou derrotada pela Dinamarca, neste sábado (16).

O time peruano começou sem Guerrero, principal artilheiro da seleção, que ficou no banco de reservas e só entrou no meio do segundo tempo, e depositou em Cueva e em Farfan a responsabilidade por buscar o triunfo.

A seleção peruana começou bem a partida, dominando as jogadas e chegando com perigo, mas não conseguiu superar a marcação dinamarquesa e a barreira formada pelo goleiro Schmeichel.

Quando furou a marcação, Cueva foi derrubado na área e, após ajuda do Vídeo Assistente de Arbitragem (VAR, na sigla em inglês), o pênalti foi marcado. O atacante foi para a cobrança, mas mandou a bola por cima do travessão.

O Peru seguiu dominando a partida, com a Dinamarca apostando nos contra-ataques. Foi numa dessas situações que, aos 14 minutos do segundo tempo, a “dinamáquina” fez o gol da vitória com Yurari, em um belo chute, que não deu chances ao goleiro peruano.

Com o resultado, a Dinamarca se iguala à França no número de pontos, já o Peru se coloca em condição complicada para avançar na Copa do Mundo.

A seleção peruana, que não disputava uma Copa desde 1982, terá pela frente a França na próxima rodada. Já a Dinamarca encara a Austrália.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *