Em um mês, novos radares flagram 2,7 mil infrações de trânsito em Patos de Minas

A Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade Urbana divulgou, esta semana, os números do primeiro mês de fiscalização dos cinco novos radares em Patos de Minas. Os equipamentos de fiscalização eletrônica flagraram 2.690 pessoas cometendo alguma irregularidade.

Foram multadas 47 pessoas com velocidade acima de 50% do limite permitido. Já 484 pessoas foram flagradas ultrapassando entre 20 e 50% o limite de velocidade da via e 2.035 pessoas ultrapassaram em até 20% o limite de velocidade.

Os equipamentos também flagraram 109 motoristas passando o sinal vermelho e 15 motoristas pararam em cima da faixa de pedestres. Nos meses de outubro e novembro de 2016 foram registrados 31 acidentes nos três cruzamentos onde estão os radares. Já em 2017, foram registrados apenas 9 acidentes, uma redução de 71%, sendo que no mês de outubro, com a colocação em teste dos radares, foram 7 acidentes e no mês de novembro, com os equipamentos em funcionamento, foram registrados apenas dois.

Leia Também: Polícia prende foragido da Justiça, traficante e usuária após denúncia anônima

Os valores arrecadados com estas multas podem chegar a cerca de R$364 mil e serão investidos em educação para o trânsito nas escolas, melhoria da sinalização horizontal e vertical de ruas e avenidas, melhoria dos semáforos, melhoria das ciclovias, entre outros projetos municipais voltados para área.

As penalidades para quem for flagrado pelos radares variam de acordo com a gravidade da falta. Ultrapassar o sinal vermelho é considerado ato gravíssimo e gera multa no valor de R$293,47 e perda de 7 pontos na carteira. Parar sobre a faixa de pedestre é infração média e gera multa de R$130,16 e perda de 4 pontos na carteira.

Curta o Jornal de Coromandel no Facebook

Quanto ao excesso de velocidade, se o motorista ultrapassar até 20% da velocidade permitida é considerada infração média com multa no valor de R$130,16 e perda de 4 pontos na carteira. Ultrapassar de 20% a 50% a velocidade máxima permitida é falta grave, com multa de R$195,23 e perda de 5 pontos na carteira. O motorista que ultrapassar mais de 50% da velocidade permitida irá ter a carteira de habilitação suspensa imediatamente e receberá multa no valor de R$ 880,41

Os radares ajudam no controle de velocidade, fiscalização quanto ao avanço de sinal e faixa de pedestre e estão instalados nos seguintes locais:

– Rua Major Gote, cruzamento com a rua Olegário Maciel nas duas faixas serão verificados avanço de sinal, faixa de pedestre e excesso de velocidade (permitida: 40 Km/h);

– Rua Olegário Maciel, cruzamento com a av. Getúlio Vargas nas duas faixas serão observados: avanço de semáforo, faixa de pedestre e velocidade (permitida: 40 Km/h).

– Rua Doutor Marcolino, cruzamento com av. Brasil – duas faixas, avanço de sinal, faixa de pedestre e excesso de velocidade (permitida: 40 Km/h);

– Avenida Fátima Porto – 500 metros antes da rua Edécio Pedro Romão nas duas faixas será verificado o excesso de velocidade (permitida: 60 Km/h);

– Avenida Marabá em frente ao nº 454 nas duas faixas o equipamento registrará excesso de velocidade (permitida: 60 Km/h).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *