Itame retifica edital do concurso público da Prefeitura de Coromandel

Coromandel TV2

O Itame retificou no dia 22 de dezembro um trecho do edital do concurso público da Prefeitura de Coromandel. Foram corrigidas a redação de itens como a definição de cadastro reserva, sobre questões relacionadas às vagas para pessoas com deficiência (PNE) e alterada a designação e os valores da taxa de inscrição para profissionais da educação.

A errata pode ser acessada no site do Itame, onde também é possível obter o edital completo e realizar as inscrições, que devem ser encerradas em 15 de janeiro de 2017.

A principal alteração se refere aos cargos de professor e de assistente administrativo. No edital, constava vagas para professor regente de educação física e matemática. O Itame corrige o edital e coloca oportunidades para professores regentes de aulas nas duas matérias apontadas.

Concurso

As inscrições para o concurso público da Prefeitura de Coromandel foram abertas no dia 15 de dezembro e devem ser encerradas em 15 de janeiro. O processo seletivo conta com mais de 800 vagas, sendo que 315 são para contratação imediata.

Em busca de apoio na Câmara, Dione pede “amizade e harmonia” a vereadores eleitos

Desde seu lançamento, o concurso foi alvo de disputa política entre grupos da atual e da futura administração. A prefeita eleita Dione Peres cogitou anular o processo, porém Osmar assinou um acordo com o Ministério Público para tentar evitar o cancelamento.

 

2 thoughts on “Itame retifica edital do concurso público da Prefeitura de Coromandel

  1. … durante 4 anos vivemos na precariedade de funcionários … esse concurso deve ser anulado imediatamente ! não é cabível tal coisa no âmbito democrático o prefeito fez 400 demissões e agora vem com concurso faltando um minuto para o jogo acabar ??? tá de zoação né prefeito ? … faça tudo numa boa meu irmão … lá na frente você será lembrado pelo caráter e não pelas sacanagens que anda fazendo ! … eu, se fosse a Dione, entrava com o cancelamento do concurso … mesmo que ele tenha recorrido ao Ministério Público e digo mais … o Ministério é Público serve tanto para um quanto ao outro ! … eu apoio o cancelamento !

  2. … até a própria Prefeita em entrevista avisou ” Segundo a prefeita eleita, foi proposta uma ação na Justiça apontando supostas irregularidades no edital do concurso público. “Tudo indica que tem muitos dispositivos inconstitucionais e ilegais”, afirmou Dione.

    “Nós ainda não temos posição do Tribunal sobre isso, mas eu recomendo à população não fazer a inscrição agora para não perder recursos”, disse a futura prefeita, que assume em janeiro. Dione acrescenta: “se a Justiça considerar ilegal, nós vamos anular o concurso”. ! … entendeu meu irmão !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *