Pesquisadores estudam trânsito de Coromandel para criação de Plano de Mobilidade Urbana

Coromandel Destaque Coromandel

Um grupo de pesquisadores ligados à Terra Consultoria, empresa júnior da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), estão em Coromandel para um estudo sobre a mobilidade urbana do município. Os resultados da avaliação deverão integrar a legislação para o setor nos próximos anos.

O estudo foi contratado pela Prefeitura de Coromandel e deve ser concluído até o final de agosto. Nesta primeira etapa, os pesquisadores monitoram a movimentação de pedestres, veículos particulares e o fluxo nas vagas de estacionamento rotativo. Em breve, o transporte público será analisado.

Após a realização das pesquisas, a Terra Consultoria irá formalizar o Plano Municipal de Mobilidade Urbana (PMMU), baseado na Política Nacional de Mobilidade Urbana (PNMU), no qual deverão constar metas para facilitar o trânsito da população pela cidade. “Para que as propostas do Plano sejam consistentes, esse diagnóstico tem que ser bem elaborado e bem fundamentado. Por isso estamos fazendo essas pesquisas”, explica a geógrafa Rosielli Santos Araújo, consultora especialista no tema.

Na elaboração do plano, a consultoria irá levar em conta as estratégias do Ministério das Cidades, que orienta sobre a priorização de alguns modais de mobilidade. “A política nacional prioriza em primeiro lugar o pedestre, depois os ciclistas; em terceiro lugar, o transporte público e, por último, o veículo particular”, afirma Rosielli.

Como deve trazer mudanças substanciais e importantes para os munícipes, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana está aberto à participação dos coromandelenses. “É fundamental a participação da população. Por isso realizamos uma audiência pública no dia 19 de abril, e faremos as próximas em 21 de junho e 8 de agosto”, declarou a especialista.

Importância do Plano

O PMMU é uma exigência do governo federal para cidades com mais de 20 mil habitantes. “Se o município não estiver de acordo com essas exigências, recursos e investimentos poderão não ser liberados”, explicou Rosielli.

Zona Azul?

A presença dos pesquisadores causou preocupação em alguns motoristas coromandelenses, simplesmente pelo fato de eles estarem trajando um colete azul e realizando anotações nas vagas de estacionamento rotativo. A Terra alerta que não se trata da famigerada zona azul. As anotações servirão para que a empresa tenha conhecimento de quanto tempo os veículos ficam parados e a quantidade de carros que ocupam as vagas durante o dia.

Terra Consultoria

A empresa júnior da Universidade Federal foi contratada pela Prefeitura de Coromandel para a realização do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. O custo do contrato é de R$ 20 mil. Como a empresa não tem fins lucrativos, todo o valor investido pela administração pública será usado para custear a produção do documento que norteará as ações da cidade em transporte e mobilidade, segundo a presidente da Terra, Damaris da Silva Costa.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Rubens Lucas Teixeira, que acompanha a realização do Plano de Mobilidade Urbana, o valor é irrisório diante dos benefícios. “Se a Prefeitura tivesse que pagar uma consultoria para fazer esse plano, não teríamos condições de fazer”.

A contratação dessa empresa júnior serviu bem a ambos os lados. “Para a Prefeitura, representou economia, e para os alunos que participam da elaboração do Plano, garante experiência para o mercado de trabalho”, segundo Damaris, que é bacharelanda em Geografia.

A Terra Consultoria existe desde 1999 e foi criada para dar experiência aos estudantes do curso de Geografia da UFU. A empresa júnior tem tutoria da professora Angela Maria Soares, do Instituto de Geografia da Universidade.

Nos projetos de Mobilidade Urbana, como no realizado em Coromandel, a professora Denise Labrea Ferreira, que possui doutorado no tema, empresta seu conhecimento para orientar os estudantes.

Contato com a empresa

A Terra funciona na sala 1 do 1º piso do Bloco 1Q, no Campus Santa Mônica. O telefone para contato é 34 3230-9429 e o endereço eletrônico é terraconsultoriaufu@gmail.com.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *